23 julho, 2009

O Nome sobre todo Nome!


“E não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos.” Atos 4:12

O Nome de Jesus indiscutivelmente é o nome mais importante da história mundial basta citar o fato de que a história ocidental é dividida em antes e depois de Cristo.
Podemos dizer também, que em seu nome ao longo 2000 anos inúmeros reinos, países e impérios se levantaram e caíram.

Do ponto de vista demográfico Com cerca de 2,13 bilhões de adeptos, o cristianismo é hoje a maior religião mundial, adotada por cerca de 33% da população do mundo. É a religião predominante na Europa, América, Oceania e em grande parte de África e partes da Ásia.

Até mesmo na WEB(Internet) o Nome de Jesus é o nome sobre todo o Nome. No site de buscas Google por exemplo, uma busca simples ao nome Jesus registra 227 milhões de referências diretas! O Grande campeão de referencias da Web! Desbancando nomes de personalidades do esporte e da cultura assim como o de estadistas famosos.

Pelé, Michael Jordan, George Washington, Barack Obama, Júlio Cesar, Karl Marx entre muitos outros ficaram muito abaixo dÁquele que é o Nome sobre todo o Nome.
A banda Inglesa Beatles que alegou em dado momento da história ser mais popular do que Jesus Cristo amargou apenas a 6 posição nesta pesquisa com apenas 58 milhões de referências!

O que mais poderíamos dizer: Em seu nome, missionários têm corrido o mundo inteiro para proclamar os seus feitos, em seu nome as pessoas tem encontrado inspiração para os atos mais nobres da história da humanidade.

Devemos reconhecer também com pesar, que devido ao mau uso do seu nome, alguns dos mais terríveis atos da humanidade foram cometidos. Fato triste, que demonstra quanto algumas pessoas manipularam o seu Nome desprezando o seu ensino e o seu exemplo.

Mas uma coisa é certa o Seu nome é o nome mais importante da Humanidade, mais influente do mundo, mais enigmático da história, o seu nome é o nome sobre todo nome.

Por Manoel Delgado

Nenhum comentário:

Postar um comentário