30 junho, 2010

Como Cristo, sendo o Filho de Deus, se fez homem?

P. 22. Como Cristo, sendo o Filho de Deus, se fez homem?


R. Cristo, o Filho de Deus, fez-se homem tomando um verdadeiro corpo, e uma alma racional, sendo concebido pelo poder do Espirito Santo no ventre da virgem Maria, e nascido dela, mas sem pecado.

Ref. Hb 2.14; Mt 26.38; Lc 2.52; 1.31, 35; Hb 4.15.

“Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem chamarás pelo nome de Jesus.”

“E crescia Jesus em sabedoria, estatura e graça, diante de Deus e dos homens.”

Comentário: A assembléia pergunta agora como Cristo sendo o verbo eterno de Deus se fez homem. A resposta a esta pergunta é uma das mais fantásticas afirmações sobre o caráter divino, a doutrina da encarnação. E o que ensina esta doutrina? Ela ensina que Jesus pelo poder do Espírito Santo ao nascer da virgem Maria assumiu um verdadeiro corpo, e uma alma racional, ou seja, ele foi homem de maneira integral tendo corpo assim como nós e possuindo alma assim como todos os seres humanos. Ele foi homem completo, ele aprendia, crescia, sentia fome e sede, chorava, se cansava, se alegrava, se enfurecia, tinha plenas condições de ser um legítimo representante do gênero humano. Podemos dizer que Ele foi igual a nós em tudo mas sem pecado pois Ele era de tal forma unido a sua natureza divina que podemos dizer com segurança que a sua divindade governava a sua humanidade de forma que ele jamais veio a pecar. Com a sua morte trouxe vida a aqueles que o Pai lhe deu. E com a ressurreição se tornou o primeiro glorificado, o primogênito dentre os mortos. Na nossa ressurreição seremos semelhantes a Ele em sua humanidade glorificada e isto só será possível por que Deus o tornou o primogênito dentre muitos irmãos. SDG

Por Manoel Delgado

Nenhum comentário:

Postar um comentário