15 março, 2012

Infanticídio a realidade da morte de crianças indigenas escondida da sociedade brasileira

Em nome de um paternalismo etnocêntrico, tolerando a quebra dos direitos humanos em nome da diversidade cultural,  não reconhecendo os direitos dos povos se auto-afirmarem como nações que existem dentro do território brasileiro assim; se estabelece a barbárie e se legitimam atrocidades contra a vida e a família.  Lamentável. A Igreja precisa se mobilizar nesta causa!






Nenhum comentário:

Postar um comentário