28 dezembro, 2015

UMA ESCADA ATÉ O CÉU. Esboço.

UMA ESCADA ATÉ O CÉU.
Gênesis 28:10-22
Quando Jacó partia de Berséba para Padã-Arã, em uma jornada de 800 kilômetros, ao final de um dos dias de caminhada. Na região de Betel, o patriarca teve uma experiência pessoal com o Deus da Aliança. Após preparar uma pedra para o seu travesseiro, e escolher um local para o seu repouso. Jacó tem um sonho, fruto de uma revelação divina, no qual ele vê uma escadaria e nesta escadaria os anjos de Deus subindo e descendo. Em meio a esta visão o Senhor do alto da escadaria se revela lhe fazendo uma promessa:
Eu sou o Senhor, o Deus de Abraão teu pai, e o Deus de Isaque; esta terra em que estás deitado, eu a darei a ti e à tua descendência; (1)e a tua descendência será como o pó da terra; dilatar-te-ás para o ocidente, para o oriente, para o norte e para o sul; por meio de ti e da tua descendência serão benditas todas as famílias da terra.(4) Eis que estou contigo, e te guardarei por onde quer que fores,(3) e te farei tornar a esta terra; pois não te deixarei até que haja cumprido aquilo de que te tenho falado.(2) Gênesis 28:13-15
Desta promessa podemos tirar importantes lições: PRIMEIRO, O SENHOR É FIEL AS SUAS PROMESSAS. Não existe certeza maior do que esta: O senhor que se revelara como o Deus de Abraão, o Deus de Isaque agora se revela como o Deus de Jacó! A fidelidade do Senhor se mostra nas gerações ao longo do tempo, na sua divina providência a favor do seu povo. 


SEGUNDO, PERCEBEMOS POR ESTA REALIDADE QUE É O PROPÓSITO DIVINO, E NÃO AS CIRCUNSTANCIAS HUMANAS QUE PREVALECEM. Jacó não herdou as bênçãos patriarcais por ser melhor, ou mais astuto, mas sim pelo favor e graça de Deus. Para que o propósito do Senhor se cumprisse. TERCEIRO, POR DETRÁS DO QUE ESTAMOS VENDO AGORA, EXISTE UMA REALIDADE ESPIRITUAL. Anjos, mundo espiritual, Deus, e até mesmo oposição maligna, tudo faz parte de uma realidade que está por trás de nossa momentânea percepção. Mas mesmo nesta realidade sabemos que o Senhor tem trabalhado por nós com o propósito de nos abençoar e ele reina soberano na terra e no céu.
-O Exemplo de Geazi e Elizeu. 2 Reis 6:8-17 (exemplo positivo)
Em quarto lugar, percebemos que O ACESSO AO CÉU, NÃO É FRUTO DO ESFORÇO HUMANO, MAS SIM DA GRAÇA DE DEUS.
-O exemplo da torre de Babel (exemplo negativo)
-O exemplo do exoterismo e das religiões (exemplo negativo)
E nós podemos hoje desfrutar desta graça por meio de Cristo, o único intermediário entre Deus e os homens. Ele é a escada, que liga a terra e os céus. Pois foi ele mesmo quem disse: Em verdade, em verdade vos digo que vereis o céu aberto, e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem.  Jo1:51.

Nenhum comentário:

Postar um comentário